Estudos

ABRAINC divulga 4ª pesquisa mensal sobre acidentes de trabalho nas obras

Foram 30 respostas coletadas nessa edição, com dados referentes a junho

A ABRAINC realizou entre os dias 19 e 23 de julho a 4ª Pesquisa ABRAINC Acidentes de Trabalho nas Obras, para dar visibilidade aos números específicos do setor da Incorporação Imobiliária. Nesta edição foram colhidas 30 respostas, com dados referentes a junho.

O levantamento será veiculado mensalmente, nas terceiras segundas-feiras de cada mês, com o objetivo de realizar um comparativo de dados aos de outros segmentos da cadeia da construção civil. Uma ferramenta de gestão, que possibilitará manter positivos os índices de sustentabilidade social do setor junto aos nossos colaboradores, sindicatos e governo.

Abaixo a compilação dos dados:

   

CONCLUSÕES

  • A pesquisa foi baseada em números de 771 canteiros de obras, em que estão trabalhando mais de 80 mil funcionários.
  • O investimento médio em EPI e EPC para os funcionários próprios, no mês de junho, foi de R$ 420.
  • 100% das empresas apresentaram uma Taxa de Frequência (TF) classificada como muito boa.
  • 100% das empresas apresentaram uma Taxa de Gravidade (TG) classificada como muito boa.
  • Nos números de acidentes por trabalhador, em nenhuma parte do corpo foi registrado mais de 0,05% de incidência.

Acompanhe os dados das pesquisas anteriores:

3ª Pesquisa

2ª Pesquisa

1ª Pesquisa

Redação ABRAINC