Radar

1ºTrimestre 2018

Primeiro trimestre de 2018 é marcado por estabilidade nas condições de mercado
Apesar do ligeiro recuo no último trimestre (-0,1), nota geral registra avanço de 1,2 ponto nos últimos 12 meses

De acordo com informações atualizadas do Radar Abrainc-Fipe, as condições gerais do mercado imobiliário mantiveram-sepraticamente estáveis no primeiro trimestre de 2018, com nota média de 4,5 na escala entre 0 (menos favorável) a 10 (mais favorável). Oresultado geral, expresso pelo ligeiro recuo de 0,1 ponto no comparativo com encerramento do trimestre anterior (dezembro/2017),representa um avanço de 1,2 ponto nos últimos 12 meses, isto é, na comparação com a nota geral registrada ao final do primeirotrimestre do ano anterior (março/2017). Nesse horizonte, em particular, é possível destacar os sinais de recuperação em quase todas as
dimensões monitoradas pelo Radar, incluindo ambiente macroeconômico (via aumento da confiança e do nível de atividade econômica), crédito imobiliário (via queda da taxa de juros) e ambiente setorial (via aumento do número de lançamentos da incorporação). Todavia, uma recuperação mais expressiva das condições de mercado ainda depende de retomada dos níveis de emprego e renda da população brasileiro, bem como do aumento da oferta de crédito imobiliário em volume e taxas mais favoráveis.

Veja AQUI
Continuar Lendo