Imprensa

Apesar de ajuste, ‘Minha Casa’ mantém metas da 3ª etapa

VALOR ECONÔMICO – BRASIL – SÃO PAULO – SP – 17/03/2015 – A4 – O jornal Valor Econômico destaca que, segundo aceno[…]

VALOR ECONÔMICO – BRASIL – SÃO PAULO – SP – 17/03/2015 – A4 – O jornal Valor Econômico destaca que, segundo aceno dado pelos ministros Nelson Barbosa (Planejamento) e Gilberto Kassab (Cidades), o ajuste fiscal e a decorrente restrição orçamentária não serão entraves à 3ª etapa do programa Minha Casa, Minha Vida, promessa de campanha da presidente Dilma Rousseff que prevê contratação de 3 milhões de habitações até 2018. Após reunião no Ministério do Planejamento, Barbosa disse que o programa será “aperfeiçoado” e confirmou a criação de uma nova modalidade de financiamento entre as atuais faixas 1 e 2. A ABRAINC também esteve presente na reunião e apontou que não serão necessários grandes ajustes de custos dentro do programa, pois as empresas de construção apresentam ganhos de produtividade. Outros jornais importantes também repercutiram a matéria, tais como Folha de S. Paulo, O Globo, Gazeta do Povo (PR) e Diário do Nordeste.
Clique para ver.